Desafio 3

/Desafio 3
Desafio 3 2018-10-22T16:59:51+00:00

DESAFIO 3 - GUERREIROS EM AÇÃO!

Surubim / PE
ESCOLA LOURENÇO RAMOS DA COSTA

Ver perfil da equipe

TÍTULO DA AÇÃO:

Assistencialismo Cidadão


DESCREVA COMO FOI FEITO O PLANEJAMENTO E A MOBILIZAÇÃO PARA A AÇÃO:

Depois de definirmos qual ação seria realizada, percebemos que precisaríamos de profissionais de diferentes áreas para realização do plano, além do espaço, dia viável e público alvo a ser atingido. Os professores e toda equipe gestora da escola começaram a mobilizar-se e conseguimos a disponibilidade de psicólogo, advogado, assistente social, enfermeiro, pedagogo, educador físico e professor de educação inclusiva, os quais disponibilizaram-se a ajudar a população da nossa comunidade em ações coletivas de assistencialismo. Decidimos que nossa ação não seria feita em um único dia, mas que poderia ser contínua e crescente, uma inovação entre as equipes.

DESCREVA COMO FOI REALIZADA A AÇÃO E QUAIS FORAM SEUS RESULTADOS:

O primeiro dia de ações, que aqui será descrito, foi realizado no dia 17/12/2018. Como a sexualidade já é algo muito presente em nossos alunos e temos algumas alunas grávidas na escola, percebemos que o sexo por nossos estudantes está sendo praticado sem camisinha e de forma impensada. Com a pouca idade que possuem, ainda não possuem total noção dos limites do seu corpo e do corpo do outro, além de estarem sujeitos muito cedo a vários tipos de doença. Pensando nisso, este foi o título da primeira de muitas ações: "Sexualidade na adolescência: corpo, prazer, limites, medidas preventivas, doenças e tratamentos". Para mediar este evento o facilitador, que é educador físico, juntamente com a coordenadora da escola, que é pedagoga e entende do assunto, convidaram um psicólogo e um enfermeiro que tiraram todas as dúvidas da população, principalmente alunos, os quais se acomodaram na sala 2 e ouviram atentamente todas as informações. Ao longo do processo, distribuímos folhas de papel em branco, para que as pessoas pudessem fazer perguntas em anônimo, as quais foram respondidas posteriormente com bastante esclarecimento. O público pareceu instigado, perguntando bastante coisas, se surpreendendo com coisas que não sabiam e, inclusive, procurando nossos profissionais para atendimento exclusivo quando a palestra/roda de conversa acabou. Foi um evento positivo, de muito conhecimento e informação que com certeza mudou a forma de alguns de nossos jovens sobre sexualidade precoce e riscos à saúde.